domingo, 10 de janeiro de 2010

Comer à noite engorda mais?

     carboidratos a noite engorda mais Embora muitos especialistas defendam que não importa o horário em que você se alimenta e sim a quantidade de calorias ingerida, isto não é o que observamos na prática. Muita gente já constatou que este hábito pode, sim, representar um aumento de peso, especialmente da gordura corporal. A grande maioria das pessoas que pratica atividade física costuma seguir á risca esta orientação e fica de longe de calorias noturnas, especialmente advindas dos carboidratos (massas, doces, açúcares etc). Mas até que ponto isto é verdade? Indivíduos que preferem comer mais à noite teriam mais risco de engordar do aqueles que distribuem sua alimentação durante o dia?


BONS TREINOS E ATÉ A PRÓXIMA!!!

8 comentários:

Regina Lessa disse...

Mestre, uma dúvida?! Caso não tenha uma noite completa de descanso como a maioria das pessoas, digamos que meu dia comece as 3h da manhã? Seria tbm tão prejudicial essa ingestão de alguns carboidratos?
Bjos!

Madilson Medeiros disse...

Depende muito da adaptação metabólica de cada um, Regina. Esta adaptação obviamente está relacionada com outros fatores, como idade, sexo, resistência a insulina (o que leva a uma intolerância a glicose) e outros fatores... De um modo geral, será prejudicial nos primeiros dias em que se muda bruscamente a rotina, mas com o passar do tempo, ocorrerá a adaptação, de forma mais eficaz ou não, dependendo dos fatores citados acima.
Grande beijo!

maximumforma disse...

Meu seu blog é espetacular, show, not°10 desejo muito suceso em sua caminhada e objetivo no seu Hiper blog e que DEUS ilumine seus caminhos e da sua família
Um grande abraço e tudo de bom
Ass:Rodrigo

Janilo disse...

Professor, eu tenho o hábito a anos de fazer uma vitamina de mais de meio litro a noite, depois das 22:00. Faço academia a 2 anos. Sempre tive gordura localizada na cintura e nunca consegui perder. Esse meu hábito pode influenciar um pouco pra q essa gordura demore tanto a sair?

Madilson Medeiros disse...

Tudo bem, Janilo?
Pra começar, precisamos fazer duas perguntas:
1ª - Você treina à noite?
2ª - Você está consumindo a quantidade calórica ideal para você?
Depois de ter respondido à estas duas perguntas, podemos analisar seu caso com mais atenção. Se você treina à noite e esta refeição é feita após o seu treino, provavelmente não é ela que está te atrapalhando. Certamente você deve estar ingerindo mais calorias que precisa ou a distribuição das refeições e macro nutrientes está incorreta. Entretanto, se você não treina à noite, está certo que sua ingestão calórica está equilibrada e ainda assim está com dificuldades quanto à esta gordura abdominal, seu caso corrobora com a conclusão apresentada no artigo acima. Embora exista uma vertente de estudiosos que defende a ideia que não importa o horário que se alimente (desde que se esteja em equilíbrio calórico), faço parte do grupo que advoga que existem horários que são favoráveis ao acúmulo de gordura corporal. Vamos imaginar uma situação: Você, Janilo, precisa (hipoteticamente) de 3000 kcal. Você acha que é melhor ingerir as 3000 kcal em 3 refeições grandes de 1000 kcal cada, ou 6 refeições de 500 kcal? Qual a diferença, já que você está ingerindo a mesma soma calórica? Ora, a diferença está na indução de cascatas metabólicas que FACILITAM o acúmulo de gordura, embora o valor calórico seja o MESMO! Em suma, você não estará engordando mais, mas sim criando um ambiente metabólico FAVORÁVEL a deposição de gorduras! Em outras palavras, você não estará engordando, mas "ensinando" ao organismo como armazenar gordura! E isso é mal, não?

Espero ter ajudado!

Volte sempre!

Janilo disse...

Boa tarde professor,

Passaram-se quase dois anos que entrei em contato no seu blog.
O senhor me fez duas perguntas que na época eu teria essas respostas:

1ª - Você treina a noite?
R - Não, é a tarde.

2ª - Você está consumindo a quantidade calórica ideal para você?
R - Não, porque depois de ter adotado essa alimentação minha massa muscular aumentou mas junto com 9 cm de gordura abdominal.

Vi seu comentário e comecei a modificar meus hábitos alimentares. De lá pra cá perdi os 9 cm de gordura localizada que havia ganhado. Estou definido e com a mesma força de antes.

Muito obrigado professor!!!

Madilson Medeiros disse...

Que legal, Janilo! Parabéns! O grande mérito é seu. Sempre costumo comentar que, para se construir o físico almejado, é mister, antes de tudo, conhecer bem seu próprio organismo; como o seu metabolismo se comporta diante doa estímulos (alimentação, treinamento, descanso etc). Este é, sem dúvida, o primeiro passo a tomar. O segundo é procurar entender - pelo menos o essencial - como se processam as reações metabólicas. A partir do momento em que se controlam tais variáveis, as mudanças já podem ser observadas. Entretanto, o conhecimento, seja qual for sua área, nunca é demais. Sempre há algo a mais a aprender. E o seu desempenho e resultados dependem intimamente desta consciência. Quanto mais você aprende, mais cônscio e responsável você se torna!
Um forte abraço!

Gustavo disse...

Muito show seu blog, parabens parceiro.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Todos os artigos são de autoria de Madilson Medeiros.

A reprodução total ou parcial do conteúdo desta página somente poderá ser feita mediante permissão ou citação do autor, sob pena de responder às determinações previstas pela Lei 9.610/98, de Direitos Autorais.